Pular para o conteúdo principal

Lançamento do livro sobre Investigação Criminal

Volto aqui, depois de um longo tempo afastado (em razão do trabalho e do Mestrado), para convida-los, "todos e todas", a prestigiarem o lançamento do livro Investigação Criminal - Ensaios sobre a arte de investigar crimes, de artigos, organizado por mim e pelo colega Fábio Motta Lopes.

O lançamento será no dia 1º de julho, às 19h, na sede da Associação dos Delegados de Polícia do Rio Grande do Sul, conforme folder:


Como referido, o livro é composto de artigos, escritos por Delegados de Polícia Civil do Rio Grande do Sul, abordando três temas gerais:

- FUNÇÃO CONSTITUCIONAL E LIMITES DAS POLÍCIAS JUDICIÁRIAS

Apresentação por Fábio Motta Lopes

A Constitucionalidade do Acesso a Informações pela Autoridade Policial e pelo Ministério Público nos Moldes do Artigo 17-B da Lei nº 9.603 de 1998 (João Gabriel Parmeggiani Pes)

As Excludentes de Ilicitude Penal e a Possibilidade de Reconhecimento pelo Delegado de Polícia na Atividade Policial (Marino Franceschi)

Nova Lei Seca (Lei nº 12.760/12): Novos Equívocos (Luciana Peres Smith)

A Análise das Excludentes de Ilicitude pela Autoridade Policial na Autuação em Flagrante Delito (Taís Bee Wittée Neetzow)

- MODERNAS TÉCNICAS DE INVESTIGAÇÃO POLICIAL E REPRESSÃO QUALIFICADA

Apresentação por Emerson Wendt

A Ação Controlada e a Infiltração Policial na Nova Lei do Crime Organizado (Emerson Wendt e Fábio Motta Lopes)

Drogas: Instrumentos Relevantes de Repressão Qualificada ao Tráfico e a Necessária Abordagem da Prevenção ao Uso Indevido à Luz da Lei nº 11.343/06 (Fernanda Seibel Aranha)

A Investigação Criminal na Lei de Drogas: Infiltração de Agentes Policiais e Flagrante Postergado (Ação Controlada) (Maria Rosane Fontela Nunes)

Medidas Cautelares Reais Aplicáveis Durante a Investigação de Crimes de Lavagem de Dinheiro (Rodrigo Marquardt da Silveira)

Os Delitos de Poluição Ambiental Previstos pela Lei nº 9.605/98 e sua Investigação Criminal (Elisangela Melo Reghelin)

Infiltração Policial (Adilson José da Silva)

- INOVAÇÕES LEGISLATIVAS E DISCUSSÕES REFERENTES À INVESTIGAÇÃO CRIMINAL

Apresentação da temática

O Ciclo Completo de Polícia e suas Deficiências, Incongruências e Inconstitucionalidades (Clarissa Kolowski Rodrigues)

Análise Técnico-jurídica da Lei Carolina Dieckmann (Cristiane Machado Pires Ramos)

O Encontro Fortuito de Provas na Atividade Policial (Marco Aurelio Schalmes da Silva)

O Papel Multidisciplinar do Delegado de Polícia na Condução de Inquéritos Policiais de Abuso Sexual Contra Crianças e Adolescentes (Marina Machado Dillenburg)

A Investigação Criminal pelo Ministério Público: uma Interpretação Constitucional (Rafael Soccol Sobreiro)

Maiores informações sobre aquisição do livro, no site da editora Brasport, neste link.

Boa leitura!!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Facebook: endereço de envio de intimações e/ou ordens judiciais

Achei interessante atualizar (fev/2018) esse post de outubro de 2011, visando deixar a informação mais correta e atualizada em relação aos procedimentos no Facebook:
Várias pessoas me perguntam(vam) sobre o endereço do Facebook, que anunciou, em 2011, abrir um escritório no Brasil.
Todo o procedimento de tratamento está explicado no nosso livro, escrito com o Dr. Higor Jorge: Crimes Cibernéticos - Ameaças e Procedimentos de Investigação. Veja como adquirir o livro: Como adquirir os livros? O resultado da pesquisa do registro do domínio nos remete a um escritório de registro de propriedade intelectual, porém, o escritório para envio de ordens judiciais e/ou intimações, além de requerimentos, é o seguinte: FACEBOOK SERVICOS ONLINE DO BRASIL LTDARua Leopoldo Couto de Magalhães Júnior, 700, 5º Andar, Bairro Itaim Bibi, São Paulo-SP, CEP 04542-000
- Fonte: Jucesp Online Não sabíamos como seria o tratamento das informações e respostas às solicitações das chamadas forças da lei (law enforcemen…

Estamos entre os melhores Delegados de Polícia, segundo Censos de 2017, 2018 e 2019

No ano de 2017 já havíamos sido agraciados com a distinção e citação dentre os melhores Delegados de Polícia na Categoria Jurídica. 


Em 2018 e 2019, segundo o Portal Nacional dos Delegados, fomos novamente escolhidos, dentre os Melhores Delegados de Polícia do Brasil, na Categoria Gestão.


Assim, ficamos muito lisonjeados pelo reconhecimento nacional em termos de gestão, especialmente pelo trabalho frente ao Conselho Nacional de Chefes de Polícia Civil, o CONCPC, e, também, da atividade de inteligência. Vejam a lista completa dos agraciados de 2019, clicando aqui.

Seguimos em frente. Deixamos a Chefia da Polícia Civil do RS, deixamos a área de inteligência, porém na vamos continuar nos dedicando à atividade de Segurança Pública.

Recomendações a pais, professores e escolas quanto às ameaças de atentado

Pós fato Suzano/SP, o alvoroço nas mídias sociais foi muito grande. Em alguns Estados mais do que outros. Muita trollagen para gerar pânico. Sendo assim, é importante algumas precauções por parte dos colégios/escolas:

Existência de meios físicos de contenção e controle:

- catraca/controle eletrônico de acesso
- controle de entrada e saída de visitantes, com registros de dados
- videomonitoramento, com gravação por pelo menos 10 dias. Ideal é 30 dias

Mecanismos preventivos:

- formatar equipe (interna ou mista interna/externa) de avaliação de ameaças;
- definir comportamentos por ordem de risco e necessidade de contingenciamento;
- definir condutas que demandam intervenção imediata (por exemplo, porte de arma, postagem em redes sociais);
- criar e gerir um sistema anônimo que permita reportar informações com condutas de risco (e-mail, telefone etc.);
- promover ambiente alicerçado em uma cultura de segurança, respeito, confiança e apoio emocional;
- incentivar alunos a compartilhar suas …