Pular para o conteúdo principal

Como resolver problemas com postagens no WordPress

Boa parte dos blogueiros no Brasil ou usa Blogspot (Google) ou WordPress. As formas de tratar assuntos chatos (leia-se plágio, conteúdo ofensivo, criminoso etc.) no primeiro são gerenciados mais facilmente. Porém, quanto ao WordPress pouca gente sabe como resolver esses problemas. Este post tem o objetivo de ajudar os internautas que sofrem com abusos dos usuários da plataforma WordPress.com.

Para começar, importante referir que embora exista um Fórum de Suporte e Comunidade WordPress no Brasil e em Português, os contatos deverão ser feitos no formulário de contato disponibilizado pela WordPress.com. No entanto, este formulário é apenas para usuários "upgrade", ou seja, com pagamento para uso da plataforma. Para denunciar sites hospedados no WordPress há necessidade de preencher alguns formulários (http://pt.wordpress.com/complaints/), dependendo do contexto e do problema. Vejamos:

Mr. Toni Schneider
Email: dmca@automattic.com
Automattic, Inc.
60 29th Street #343
San Francisco, CA 94110
Phone: (877) 273-8550
Fax: (415) 840-0710
Quando se trata de cumprimento de ordens judiciais e requisições policiais, eis as recomendações:
  1. Cumprimento de ordens judiciais: As ordens judiciais oficiais e assinadas podem ser enviadas para court-orders@wordpress.com. Importante a leitura destes documentos (http://en.support.wordpress.com/court-orders/) para compreender melhor a política do WordPress.
  2. Respostas às forças de segurança: Se o contato é de um agente de uma entidade oficial de segurança (i.e. polícia ou afins), o contato é feito por e-mail law-enforcement@wordpress.com (em inglês).
Importante ler algumas observações antes de se desesperar:

- Verifique que o blog em questão (ofensivo) é alojado pela Automattic. O WordPress.com não tem nenhum controle sobre blogs que indicam ser “Powered by WordPress.org.” Esses blogs usam o software de código aberto WordPres e não são alojados pelo WordPress.com. Este, só aloja blogs que tem “wordpress.com” na sua URL ou que indicam explicitamente no rodapé “powered by WordPress.com” (em qualquer idioma).
- Contate o autor diretamente, para tentar resolver a situação. Visite o artigo/blog em questão e deixe um comentário com a sua queixa/reclamação para determinar a resolução diretamente entre "vítima" e "autor". O uso desse processo é importante porque todos os comentários publicados no WordPress.com são automaticamente enviados por e-mail ao administrador do blog.
- Não resolvido diretamente, pode ser enviada a "queixa" ao WordPress.com. A queixa deve ser em formato de texto simples, porém em inglês. Devem ser incluídos links específicos e citações do material ofensivo, caso contrário a reclamação será ignorada. Se o blog está escrito num idioma que não inglês, a sugestão do WordPress é de que haja uma tradução. Depois, é só enviar para o e-mail para abuse-report@wordpress.com.

Bom, espero estar ajudando. Forte abraço a todos!!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Facebook: endereço de envio de intimações e/ou ordens judiciais

Achei interessante atualizar (fev/2018) esse post de outubro de 2011, visando deixar a informação mais correta e atualizada em relação aos procedimentos no Facebook:
Várias pessoas me perguntam(vam) sobre o endereço do Facebook, que anunciou, em 2011, abrir um escritório no Brasil.
Todo o procedimento de tratamento está explicado no nosso livro, escrito com o Dr. Higor Jorge: Crimes Cibernéticos - Ameaças e Procedimentos de Investigação. Veja como adquirir o livro: Como adquirir os livros? O resultado da pesquisa do registro do domínio nos remete a um escritório de registro de propriedade intelectual, porém, o escritório para envio de ordens judiciais e/ou intimações, além de requerimentos, é o seguinte: FACEBOOK SERVICOS ONLINE DO BRASIL LTDARua Leopoldo Couto de Magalhães Júnior, 700, 5º Andar, Bairro Itaim Bibi, São Paulo-SP, CEP 04542-000
- Fonte: Jucesp Online Não sabíamos como seria o tratamento das informações e respostas às solicitações das chamadas forças da lei (law enforcemen…

Estamos entre os melhores Delegados de Polícia, segundo Censos de 2017, 2018 e 2019

No ano de 2017 já havíamos sido agraciados com a distinção e citação dentre os melhores Delegados de Polícia na Categoria Jurídica. 


Em 2018 e 2019, segundo o Portal Nacional dos Delegados, fomos novamente escolhidos, dentre os Melhores Delegados de Polícia do Brasil, na Categoria Gestão.


Assim, ficamos muito lisonjeados pelo reconhecimento nacional em termos de gestão, especialmente pelo trabalho frente ao Conselho Nacional de Chefes de Polícia Civil, o CONCPC, e, também, da atividade de inteligência. Vejam a lista completa dos agraciados de 2019, clicando aqui.

Seguimos em frente. Deixamos a Chefia da Polícia Civil do RS, deixamos a área de inteligência, porém na vamos continuar nos dedicando à atividade de Segurança Pública.

Recomendações a pais, professores e escolas quanto às ameaças de atentado

Pós fato Suzano/SP, o alvoroço nas mídias sociais foi muito grande. Em alguns Estados mais do que outros. Muita trollagen para gerar pânico. Sendo assim, é importante algumas precauções por parte dos colégios/escolas:

Existência de meios físicos de contenção e controle:

- catraca/controle eletrônico de acesso
- controle de entrada e saída de visitantes, com registros de dados
- videomonitoramento, com gravação por pelo menos 10 dias. Ideal é 30 dias

Mecanismos preventivos:

- formatar equipe (interna ou mista interna/externa) de avaliação de ameaças;
- definir comportamentos por ordem de risco e necessidade de contingenciamento;
- definir condutas que demandam intervenção imediata (por exemplo, porte de arma, postagem em redes sociais);
- criar e gerir um sistema anônimo que permita reportar informações com condutas de risco (e-mail, telefone etc.);
- promover ambiente alicerçado em uma cultura de segurança, respeito, confiança e apoio emocional;
- incentivar alunos a compartilhar suas …