segunda-feira, 1 de dezembro de 2008

Militar é 1º preso por pedofilia na web após a nova Lei 11829/08

Um militar, terceiro sargento da Marinha, foi preso na tarde desta sexta-feira sob a acusação de pedofilia. Segundo policiais da Delegacia de Crimes de Informática do Rio de Janeiro, o homem é acusado de distribuir material de pedofilia pela Internet. Esta é a primeira prisão depois da sanção da lei que pune com mais rigor os crimes de pedofilia na web, assinada pelo o presidente Luiz Inácio Lula da Silva na quarta-feira.

A lei aumenta a punição para quem produzir e expuser, distribuir, armazenar, fizer montagens e simulações e aliciar crianças e adolescentes para fins de exploração sexual.

O militar marcaria encontros usando perfil falso no Orkut e no MSN, gravaria imagens das relações sexuais que mantinha com as crianças e divulgaria o material pela Internet.

O homem foi denunciado pela mãe de uma adolescente. Fazendo-se passar por uma amiga, ele conversaria com a menina, que se exibiria via webcam. Ele teria gravado as imagens da menina de 12 anos, feito montagens para parecer que ela estava fazendo sexo e distribuído para amigos do colégio da garota.

O militar foi preso em flagrante em um shopping em Nova Iguaçu. Em pendrives na casa dele, foram encontradas várias imagens mantendo relações sexuais com crianças.

Fonte: JB Online

Nenhum comentário: