domingo, 8 de setembro de 2013

Como acompanhar os relatórios de transparência dos provedores de conteúdo

Seguidamente os grandes provedores de conteúdo, como Google, Yahoo, Twitter e Facebook divulgam seus relatórios de transparência. As notícias são, em regra, de divulgação de tais relatórios e, dependendo do veículo de comunicação, tem 'esta' ou 'aquela' avaliação.

Evitando fazer avaliações específicas, o objetivo deste artigo é reunir em um único ponto todos os links de acompanhamento desses relatórios de transparência dos "provedores globais". Vamos a cada um deles:

YAHOO!: Foi um dos últimos a ser divulgado. No último relatório, quanto ao Brasil foram feitos 308 pedidos envolvendo 385 contas de usuários. Desses pedidos, 51 constam como rejeitados; 54 resultaram negativos, ou seja, em nenhum dado encontrado; 146 envolveram apenas a liberação de dados de registro - logs de cadastro e de criação (email alternativo, endereço de IP, nome ou localização); e 57 tiveram conteúdo liberado (textos de e-mail, fotos do Flickr ou outros dados armazenados nos servidores da companhia).
Acompanhe o relatório de transparência do Yahoo! sobre o Brasil:
http://info.yahoo.com/transparency-report/br/ (em inglês)
GOOGLE: O Google tem seu último relatório divulgado com dados até dezembro de 2012. É um dos mais completos e em português. Os relatórios do Google envolvem dados sobre as interrupções mundiais ao tráfego nos produtos e serviços do provedor, solicitações de remoções de conteúdo e relacionamento com governos, as solicitações de dados de usuários e dados sobre o uso de navegação segura.
Acompanhe o relatório de transparência do Google sobre o Brasil:
- Solicitações de dados de usuários- Solicitações de remoção de conteúdos
TWITTER: os relatórios de transparência do Twitter estão atualizados até o final do primeiro semestre de 2013 e podem ser lidos em inglês. Possui dados sobre três itens: solicitações de informações, requisições de dados e violação de direitos autorais.
Acompanhe os relatórios de transparência do Twitter sobre o Brasil:
- Solicitações de informações- Solicitações de remoções
FACEBOOK: a rede social mais acessada do mundo divulgou recentemente seu primeiro relatório, onde o Brasil aparece longe do topo do ranking, apresentando 715 solicitações que afetaram 857 pessoas, das quais somente 33% foram aceitas pelo serviço. O relatório é em português.
Acompanhe os relatórios de transparência do Facebook sobre o Brasil:
- Relatório Global de Requisição de Autoridades

Nenhum comentário: